Feliz Ano Novo: 6 dicas para fortalecer sua saúde mental em 2018!

Dedicar tempo e disposição para se atentar à saúde mental é fundamental para uma vida feliz!

A virada de um novo ano é o momento ideal para se definir objetivos para os próximos dias que vêm pela frente, não é? Definir as metas e os objetivos a curto e também a longo prazo.

Normalmente, as metas como, por exemplo, ‘ir à academia’, ‘fazer mais exercícios’ e ‘alimentar-se melhor’ são os maiores destaque nas listas de ano novo. Entretanto, vale lembrar que dedicar tempo e disposição e se atentar à saúde mental também é um ponto fundamental para uma vida feliz.

O blog Rais, junto à informações da Revista Galileu, separou 6 dicas simples e comprovadas pela ciência que vão promover à você uma vida mental saudável e próspera ao longo de seu 2018, que está apenas começando. Então, preste atenção:

1. Dê trégua às dietas

Bom, se o seu objetivo é emagrecer, tire de sua lista quaisquer restrições alimentares exageradasConforme demonstram pesquisas, dietas restritivas não vão te deixar mais magro. Ao contrário, a longo prazo, elas acabam gerando um aumento de peso.

Além da obsessão pela massa corpórea, pessoas que possuem imagem negativa sobre o próprio corpo tendem a evitar eventos sociais, relações íntimas e a praticar exercícios. Elas também têm maior probabilidade a desenvolver depressão, ansiedade e outros problemas de saúde mental.

Por outro lado, pessoas que se dão bem com seus corpo apresentam uma vida mental mais positiva, um melhor funcionamento sexual  e relações românticas mais felizes.

2. Coma brócolis

Sim… De acordo com pesquisas,  pessoas que adicionam frutas e vegetais na alimentação têm menores níveis de depressão. Folhas verdes e vegetais, como brócolis, couve-flor, couve e repolho, por exemplo, têm propriedades que também podem ajudar a diminuir o declínio cognitivo humano.

Recomendamos para você:  Agenda no Papel é coisa do Passado. Vamos descomplicar?

3. Participe de grupos

Fazer parte de uma sociedade e integrar comunidades faz muito bem para os seres humanos. Essa interação ajuda a lidar com o estresse e diminui as chances de se desenvolver depressão ou ansiedade. De acordo com estudos, o isolamento social é um grande indicador de morte precoce, mais do que dietas e exercícios físicos – e até mais potente do que de mortes ocasionadas por consumo de cigarro!

4. Mexa-se

A prática de exercícios físicos é uma das maneiras mais efetivas de se afastar de depressão, ansiedade, disfunções sexuais e deficiências cognitivas. E nesse sentido, qualquer movimentação é significativa.

Encontre um exercício motivador, que seja agradável e prazeroso de ser executado e que lhe garanta momentos de socialização, isso ajudará você a manter o foco e a criar o hábito de praticar atividades físicas!

5. Esqueça (por um tempinho) o mundo digital

Se está faltando tempo para se exercitar,  repense o tempo que você está dedicando ao mundo digital: no celular, no tablet, no computador e também na televisão, por exemplo. Não é preciso abandonar estes hábitos, porém, procure equilibrar as horas de seu dia com diferentes tarefas. Gastar muito de seu tempo com as telas pode agravar a qualidade de seu sono e até abrir brechas para depressão, de acordo com estudos.

6. Caso necessário, busque ajuda 

Em sexto lugar, mas não menos importante, considere recorrer a terapeutas, psicólogos e psiquiatras sempre que for necessário.. pois, assim como a dor física deve ter tratado com um profissional de saúde, a saúde mental também exige o mesmo cuidado.

Por último, defina metas que se sejam reais com quem você é e o que deseja. Divida-as em etapas concretas e específicas (como ‘quando’, ‘onde’ e ‘como’, por exemplo!) e tome um passo de cada vez.

Recomendamos para você:  Quer estimular e manter seu cérebro saudável? Veja 11 dicas de um cientista!

A ciência garante que essa mentalidade irá aumentar suas chances de sucesso para 2018! 🙂

Com informações Revista Galileu

Para Você

As informações aqui fornecidas, não devem substituir o aconselhamento médico ou de qualquer outro profissional qualificado. Elas são de responsabilidade do seu autor e não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Procure sempre o aconselhamento de seu médico ou profissional da área de saúde para maiores esclarecimentos. Não interrompa o tratamento e/ou indicações médicas.

NOSSA MISSÃO:
Ser um sistema global de armazenamento de informações de saúde on-line, colaborativo, contemplando multifunções e cruzamento de dados, proporcionando o bem estar do ser humano através da segurança do histórico de saúde.

NOSSA VISÃO:
Tornar-se o sistema mundial de referência da informação da área da saúde até 2022, gerando dados relevantes e importantes para o ser humano.

NOSSOS VALORES:
Respeito, Igualdade, Confiança, Ética, Segurança, Qualidade de vida.

Ajude a Rais!

Contribua para que possamos continuar a promover uma vida saudável para cada vez mais pessoas.

Receba mais saúde por e-mail.

Comentários