Você sabia? Obesidade altera sua noção de gosto das coisas, afirma estudo!

Pesquisa descobre que o aumento de peso reduz a sensibilidade ao gosto da comida, aumentando a tentação em buscar alimentos mais calóricos.

25/03/2018

Perder peso não é uma tarefa fácil, não é mesmo? E existe uma série de questões biológicas que impedem alguém de perder peso.. Um estudo conduzido por um grupo de pesquisadores americanos, e publicado na última terça-feira (20) na revista especializada PLOS Biologyexplica um outro fator complicador na perda de peso: a obesidade afeta a percepção de gosto das coisas, e nos faz buscar comidas mais calóricas. Você já tinha parado para pensar nisso?

O estudo foi realizado com ratos obesos,  e nele foi constatado que os ratos têm 25% menos papilas gustativas que os roedores no peso ideal. Mas o mais interessante descoberto no estudo é que o aumento de peso reduz a sensibilidade ao gosto da comida, sim, isso mesmo.. e que esse efeito era revertido quando perdiam peso. E as papilas gustativas humanas funcionam de maneira muito semelhante.

Isso significa que quanto mais perdemos peso, temos maior sensibilidade ao gosto dos alimentos, mas que, o contrário acontece com o ganho de peso…

Para o rato, isso é uma má notícia, pois ele sente menos prazer se alimentando nessas condições. Mas no nosso caso,  humanos, nós escolhemos o que vamos comer…e para alguém obeso, comidas saudáveis que são naturalmente suaves no nosso paladar, como alface, brócolis ou cenoura, podem não ter gosto algum — aumentando a tentação em buscar alimentos mais calóricos.

Estudos anteriores  já apontavam para essa direção. Através da medição de atividades cerebrais, pesquisadores descobriram que aqueles com maior índice de massa corporal sentiam um prazer menor com gostos agradáveis, e precisavam comer mais para obter o mesmo efeito de dopamina… Pessoas com menos sensibilidade aos sabores tendem a procurar alimentos mais doces e gordurosos.

Recomendamos para você:  Hospital do Câncer de Londrina realiza atividades em prol do Outubro Rosa

O estudo confirma que obesidade é complexa e, muitas vezes, só ter força de vontade não basta.

Com informações Revista Super Interessante

Para Você

As informações aqui fornecidas, não devem substituir o aconselhamento médico ou de qualquer outro profissional qualificado. Elas são de responsabilidade do seu autor e não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Procure sempre o aconselhamento de seu médico ou profissional da área de saúde para maiores esclarecimentos. Não interrompa o tratamento e/ou indicações médicas.

NOSSA MISSÃO:
Ser um sistema global de armazenamento de informações de saúde on-line, colaborativo, contemplando multifunções e cruzamento de dados, proporcionando o bem estar do ser humano através da segurança do histórico de saúde.

NOSSA VISÃO:
Tornar-se o sistema mundial de referência da informação da área da saúde até 2022, gerando dados relevantes e importantes para o ser humano.

NOSSOS VALORES:
Respeito, Igualdade, Confiança, Ética, Segurança, Qualidade de vida.

Ajude a Rais!

Contribua para que possamos continuar a promover uma vida saudável para cada vez mais pessoas.

Receba mais saúde por e-mail.

Comentários