contato@raislife.com

Confira o que há de novo por aqui.

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Siga no instagram

Raislife

@raislifecom
Viva saudável em todos os sentidos da vida
Vida | Saúde | Negócios

Envie uma mensagem para o nosso WhatsApp para contato e parcerias.

cursos

Curta no face

Conheça como é realizado o exame de DNA para paternidade.

O DNA está presente em nossa vida, desde o momento em que nascemos. É através dele que adquirimos características, muitas vezes únicas, que nos definem. Desde a época escolar, nas aulas de ciência ou biologia estudamos o DNA. Quem nunca o viu também nos filmes de ficção científica? Aquela famosa imagem de hélice, geralmente em dupla fita com aquelas bolinhas.

Entretanto, para falar afundo sobre o DNA em si, precisaríamos de muito mais do que apenas este texto. Seriam necessárias páginas e mais páginas sobre o assunto, tamanha é a sua complexidade. Porém, hoje não vamos discutir sobre as especificidades do DNA. Vamos falar sobre como os testes de DNA para a determinação de parentesco ou testes para determinar a paternidade, são realizados.

Vamos começar! Primeiramente ocorre a separação do DNA das células, por meio do rompimento da membrana das células. São selecionados de 13 a 19 trechos de DNA para serem analisados pelos especialistas. No início da analise, coloca-se a amostra a ser analisada em um gel ou corante.

Após aplicar o gel ou corante, os responsáveis pelo teste de DNA, aplicam uma corrente elétrica positiva, uma vez que, o DNA apresenta carga negativa, e com isso irá se movimentar em direção a parte positiva da corrente. Ocorre uma separação entre fragmentos de DNA maiores, que se movem mais lentamente e fragmentos menores que se movem mais rapidamente.

Finalizando, as amostras vão ser analisadas com a ajuda de uma luz ultravioleta, onde o gel ou corante irá brilhar, otimizando a visualização e a analise dos fragmentos de DNA pelos especialistas. Em uma única amostra podem conter milhões de cópias do mesmo fragmento.

Não é tão difícil assim de entender, não é? Basicamente, é assim que um teste de DNA para paternidade é realizado.

Recomendamos para você:  Homenagem póstuma: Saiba o que é e como funciona essa prática em tempos de pandemia

Uma curiosidade para você. Sabia que não necessário esperar a criança nascer para a realização do exame de paternidade? Existe um teste para a determinação da paternidade, chamado teste de paternidade na gravidez ou teste de gravidez não invasivo. Este exame, pode ser feito com a presença de ambos, o suposto pai e a mãe da criança. É realmente um exame inovador e pode ser feito a partir da 9 semana de gestação.

Caso esteja pensando em realizar um exame de DNA, sempre procure uma clínica ou laboratório de DNA  que seja de qualidade e credenciado. Não seja seduzido por preços fantasiosos ou que aparentem ser bons demais.

O que achou deste conteúdo?
+1
0
+1
1
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

comente o que achou do conteúdo

Compartilhe