Acredita? Cientistas recriam o DNA de homem morto há 200 anos!

Hans Jonatan foi o 1º negro a pisar na Islândia. Seu DNA se destaca tanto na população que foi possível remontá-lo usando os genes de seus descendentes

O DNA de um homem que morreu na Islândia, em 1827, foi parcialmente recriado por cientista em laboratório a partir dos genes possíveis de 182 de seus descendentes. O DNA escolhido foi o de um ícone local: Hans Jonatan, sim, ele tem arquivo na Wikipédia, porque, em 1802, se tornou a primeira pessoa negra a pôr os pés na ilha gelada. A ciência é incrível, não?  😆

Além de toda a importância histórica em relação ao fato, a escolha teve mais um motivo: de tão raros na população do país, os genes de Jonatan são fáceis de rastrear, e com isso, há um registro preciso de todas as árvores genealógicas criadas pelas pouquíssimas famílias de origem nórdica, desde que a Islândia foi colonizada,  há pouco mais de mil anos.

E ainda para ajudar, um banco de dados criado pela empresa deCODE contém os DNAs de 150 mil cidadãos, que á a metade do total de habitantes. Com isso, os pesquisadores da deCODE encontraram o DNA de 182 descendentes (do total de 788 – OMG 😯 ), e, isolando os genes de origem africana presentes na amostra, conseguiram deduzir 38% do código genético da mãe de Jonatan. O processo todo foi publicado, detalhadamente em um artigo científico, na Nature.

Um detalhe interessante: metade dos genes de Jonatan, herdados de seu pai, eram europeus, e por isso, são mais difíceis de isolar de toda a população. Ao que tudo indica, sua mãe nasceu no atual território de Benin, sendo, em toda essa história, a única pessoa de origem exclusivamente africana. Portanto, os genes que indicam ancestralidade negra só podem ser atribuídos à ela. Como todo bebê herda metade de seus genes de cada membro do casal, encontrar 38% do genoma da mãe é o mesmo que encontrar 19% do genoma de Jonatan.

Recomendamos para você:  Ter amigos verdadeiros pode fazer bem para a saúde, afirma pesquisa!

Jonatan nasceu no Caribe, filho de uma escrava africana com um capataz nascido na Dinamarca. Ele serviu a marinha do país europeu durante as guerras napoleônicas, e após o conflito (onde pensou que seria libertado, pois a escravidão era proibida em território dinamarquês e ainda seus serviços foram reconhecidos pelos superiores) o juiz responsável por seu caso não concedeu a alforria, e com isso, ele foi obrigado a fugir para a Islândia.

A partir daí os registros históricos são incertos, mas tudo indica que ele foi bem recebido lá na ilha, conseguiu emprego como assistente de um cartógrafo, e se causou com uma nativa, a Katrín Antoníusdóttir, de onde vieram seus 788 descendentes! (OMG) 😯

Especialistas afirmam que seria possível reconstruir o DNA de qualquer pessoa usando o método, a única necessidade é que ela tenha herdado a seus descendentes genes que se destaquem em um determinado grupo – uma tarefa não tão fácil, não é?

E aí, gostou?

Já pensou em reconstruir o DNA de um familiar ou uma pessoa muito querida?

A ciência é fascinante!  😀

Com informações Revista Super Interessante


Also published on Medium.

Comentários

Para Você

As informações aqui fornecidas, não devem substituir o aconselhamento médico ou de qualquer outro profissional qualificado. Elas são de responsabilidade do seu autor e não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Procure sempre o aconselhamento de seu médico ou profissional da área de saúde para maiores esclarecimentos. Não interrompa o tratamento e/ou indicações médicas.

Somos um blog de informações sobre Saúde, Beleza e Vida Saudável. Nosso objetivo é promover informações relevantes em saúde para a população em geral ter uma melhor qualidade de vida. ❤ ❤
Para isso, temos uma produção própria de conteúdo e contamos com parceiros, profissionais de saúde empresas da área, produtoras de conteúdo. Caso você se identifique com nosso propósito, queira se tornar um parceiro do Raislife Blog,  ter um perfil profissional na nossa página e poder divulgar seus conteúdos de forma GRATUITA, entre em contato conosco pelo email contato@raislife.com. Vamos juntos promover saúde e qualidade de vida para todos. ❤ ❤ ❤ ❤

Receba mais saúde por e-mail.