O que uma boa noite de sono pode fazer por você?

Uma boa noite de sono pode ter mais influência em sua vida do que você imagina.

14/01/2015

boa-noite-de-sone

Uma boa noite de sono pode ter mais influência em sua vida do que você imagina. Muita gente adora dormir, se pudesse passaria a vida toda dormindo e só acordaria para dizer boa noite. Eu particularmente acho que dormir é perca de tempo, mas meu corpo com certeza absoluta não pensa assim.

Qual é a função do sono e o que isso afeta nosso organismo?

Exatamente o porquê temos sono ainda é uma daquelas grandes dúvidas da ciência. Porém, muito já se avançou nesta área. Veja algumas afirmações sobre o sono e o que uma boa noite de sono pode fazer por você em seu dia-a-dia:

  1. Sabe-se que o sono ajuda o cérebro a limpar as toxinas produzida durante a atividade cerebral, deixando “nossa cabeça literalmente limpa” para as próximas atividades. O excesso de toxinas é o responsável por você ficar meio “grogue”, dando um sentido verdadeiro para a expressão “bêbado de sono”.
  2. Na média, nós precisamos de 8 horas de sono por dia para se recuperar totalmente e se sentir bem. Ter 7 horas de sono não traz uma recuperação completa e a longo prazo os sintomas apresentados podem ser comparados com os de quem dormir muito menos, assim como 9 horas não tem um melhor efeito, a performance é como se você tivesse dormido 8 horas.
  3. Existem pessoas que conseguem dormir menos do que 8 horas e se recuperarem totalmente. Mas elas são exceções. Apenas de 1%-3% das pessoas conseguem esta façanha. E se você pensa que é um deles, provavelmente você está errado. A cada 100 pessoas que acham que não precisam dormir tanto, apenas 5 realmente não precisam. E estes super-humanos tem características bem semelhantes entre eles, com ritmos mais acelerados, sempre de bom humor, são mais magros e mais tolerante a dores físicas e mentais. Se você pode se tornar um deles? Hoje a ciência diz que não, mas na minha visão é porque ainda não entendemos exatamente como eles funcionam.
  4. Estar cansado deixa você mais triste, ou com menos chance de estar feliz. Estímulos negativos são processados no cérebro pela amigdala enquanto os positivos são no hipocampo. Dormir pouco atinge mais o hipocampo do que a amigdala, fazendo assim com que você consiga se lembrar mais das memórias negativas do que as positivas.
  5. Falta de sono aumenta as chances de te deixar doente.
  6. Dormir bem ajuda você a tomar decisões difíceis enquanto dormir mal pode fazer com que você não tenha ética em suas ações.
  7. E ainda dormir bem pode fazer você parecer mais bonito e saudável, bem como ficar mais inteligente.
  8. Uma soneca na medida certa pode ajudar você a complementar o sono, ficar alerta, gravar melhor as coisas e até mesmo se tornar mais criativo.
  9. Apenas uma noite mal dormida é necessária para desencadear uma briga no seu relacionamento. Estudos recentes são largamente relacionados com noites mal dormidas. Durma bem e seja feliz.
Veja Também:

Muitos são os benefícios de uma boa noite de sono. Agora está difícil conseguir dormir? Veja 15 dicas para você pegar no sono, relaxar e se sentir uma nova pessoa.

Consultas:

  1. The Guardian
  1. Time
  1. Revista Galileu

Recomendamos para você:  INCA estima cerca de 600 mil novos casos de câncer em 2018

Para Você

As informações aqui fornecidas, não devem substituir o aconselhamento médico ou de qualquer outro profissional qualificado. Elas são de responsabilidade do seu autor e não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Procure sempre o aconselhamento de seu médico ou profissional da área de saúde para maiores esclarecimentos. Não interrompa o tratamento e/ou indicações médicas.

CEO da Rais Saúde e da Connect HealthCare.
Técnico em Alimentos pelo CEFET-PR (99), Engenheiro Eletricista pela UDESC-SC (2009), MBA em Gestão empresarial pela FGV (2013), Trainee e 5 anos de experiência com Gestão de Projetos e Pessoas pela indústria de linha branca (2009-2014). Curioso em programação, blogs e sistemas e tudo que envolva Startups (minha fase atual profissional).

Atleta desde pequeno, apaixonado por basquete (já fui atleta semi-profissional na juventude), por academia e corrida (mas adoro esportes em geral) e música (toco meu violãozinho meia boca).

Também gosto de ciência (de onde viemos e para onde vamos) e neurociência, meditação e sempre curioso sobre como deixar nossa máquina “corpo humano” mais afinada e obter a melhor performance para o nosso dia-a-dia.

Ajude a Rais!

Contribua para que possamos continuar a promover uma vida saudável para cada vez mais pessoas.

Receba mais saúde por e-mail.

Comentários