Fechar Anúncio X

Osteoporose x Odontologia

A fragilidade do maxilar ou da estrutura óssea apresentada durante um tratamento dentário pode estar relacionado com a osteoporose e odontologia, despertando a atenção de profissionais que atendem pessoas com essas condições.

A fragilidade do maxilar ou da estrutura óssea apresentada durante um tratamento dentário pode estar relacionado com a osteoporose e odontologia, despertando a atenção de profissionais que atendem pessoas com essas condições.

A Associação Brasileira de Avaliação Óssea e Osteometabolismo (ABRASSO) estima que, apenas no Brasil, cerca de 10 milhões de pessoas são acometidas com a osteoporose. 

Essa doença atinge os ossos, deixando-os porosos e frágeis, e a detecção pode ser tardia se os profissionais não estiverem atentos, ainda mais os dentistas que fazem avaliações em relação à saúde bucal – na qual a estrutura dental se assemelha bastante à óssea.

Em uma consulta em clínica odontológica, o profissional que está atendendo o paciente pode observar alguns sinais clínicos que podem apontar para a doença, entre os quais:

  • Baixa densidade óssea;
  • Espaçamento maior em trabéculas;
  • Menor espessura cortical;
  • Sensibilidade apontada pelo paciente.

Os profissionais da área da odontologia estão aptos a apontar problemas da saúde de um paciente, de uma forma geral, indo além da região bucal, visto os indícios que surgem nesta região.

As condições apresentadas em qualquer situação, durante uma avaliação odontológica, pode ser o ponto de partida para a solicitação de outros exames e encaminhamento para especialistas da área da medicina.

Exames simples apontam problemas ósseos

A consulta realizada em uma clínica odontológica pode apontar problemas em relação às condições ósseas de um paciente. 

Com exames simples, como a solicitação de uma radiografia panorâmica, é possível identificar as características da estrutura óssea. 

A mandíbula é um ponto de referência para um tratamento precoce, que pode evitar mais problemas de saúde.

Assim, as pessoas que contam com convenio odontologico empresarial podem solicitar esses exames e ter um encaminhamento para um tratamento pontual e, deste modo, dar continuidade ao procedimento dentário pelo qual está passando. 

É possível evitar perda de dentes

Como a osteoporose é uma doença que atinge os ossos, os dentes são atingidos de forma direta, pois eles são uma calcificação óssea dentro da boca. 

Para evitar esse tipo de problema, há algumas ações que podem ser incorporadas no dia a dia e, assim, prevenir a osteoporose. 

Quem possui plano dental para MEI vai ouvir do dentista para se afastar de hábitos ruins, como fumar. Esse é um dos grandes males que provoca diversos tipos de doença, inclusive pode acelerar a osteoporose. 

Do mesmo modo, evitar bebidas alcoólicas também é um importante passo para que os ossos não fiquem frágeis, além de garantir a ausência de problemas com o fígado e os dentes.

Isso porque o álcool é muito prejudicial, principalmente quando consumido em grande quantidade, devido às diferentes substâncias e acidez que a bebida apresenta.

A alimentação também é parte integrante de uma vida saudável, de uma forma geral, sendo importante para a própria saúde bucal. 

O consumo de frutas e vegetais em todas as refeições é um grande aliado na saúde bucal, e o emprego de alimentos ricos em vitamina D e cálcio ajudam bastante no combate à osteoporose. 

Por isso é importante incluir o leite no cardápio, e todos os derivados, como queijos e manteigas, desde que sejam consumidos em uma quantidade adequada. 

Já a vitamina D é uma substância que facilita a absorção do cálcio e pode ser adquirida em peixes e pelo banho de sol.

A prática de exercícios físicos também é indicada até mesmo por profissionais que atendem no plano odonto PME, pois assim é possível reforçar a musculatura, manter os ossos saudáveis e otimizar o sistema cardiorrespiratório, o que contribui para a saúde bucal e geral.

Além disso, as atividades podem ser realizadas ao ar livre, e a exposição ao sol pode ser benéfica para a saúde, desde que seja feito em um horário adequado e a pessoa faça uso de um protetor solar.

Paciente na terceira idade precisa de atenção

Os pacientes idosos podem apresentar maior predisposição para a osteoporose, devido ao avanço da idade e mudanças que ocorrem no corpo.

Da mesma forma que outros pacientes que possuem plano dental para pequenas empresas, as pessoas idosas podem ter um diagnóstico preventivo, proporcionando uma melhor qualidade de vida, mesmo estando na terceira idade.

Como a estrutura óssea fica fragilizada, aumentando os riscos de fraturas, é preciso ter uma atenção maior e realizar exames adequados para verificar a densidade dos ossos em avaliações médicas.

Os dentes podem ser um indicativo de que há algo errado e, por isso, a atenção do profissional da área de odontologia é primordial em todos os casos.

Diagnóstico não impede tratamento odontológico

Ainda que uma pessoa seja diagnosticada com osteoporose, é possível que o tratamento dentário seja realizado por meio do plano odontologico para CNPJ, ou qualquer outra forma que o paciente está fazendo as avaliações e procedimentos.

Nesse caso é preciso ficar atento quanto aos medicamentos utilizados, para não atrapalhar o tratamento contra a osteoporose. Assim, os dentes podem ser até mesmo substituídos por implantes.

Por fim, é preciso estar atento sempre à saúde de forma geral, pois assim é possível garantir um tratamento preventivo em tempo hábil.

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

O que achou deste conteúdo?
+1
+1
+1
+1
+1
+1
+1

Recomendamos para você:  Exercícios Físicos – O Meio termo é melhor

Also published on Medium.

Comentários

Para Você

As informações aqui fornecidas, não devem substituir o aconselhamento médico ou de qualquer outro profissional qualificado. Elas são de responsabilidade do seu autor e não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Procure sempre o aconselhamento de seu médico ou profissional da área de saúde para maiores esclarecimentos. Não interrompa o tratamento e/ou indicações médicas.

Receba mais saúde por e-mail.