Fica sentado demais e faz exercícios? Você está em perigo mesmo assim!

Ficar sentado demais pode ser pior do que você imagina, então cuidado!

rais-data-sentado-demais-exercicios

Ficar sentado demais é pior do que pensávamos. Nós já havíamos avisado antes no post “Você passa muito tempo sentado? Então cuidado!” os perigos que isso causava, mas se você leu e pensou: “Está tudo bem, eu faço exercícios físicos todos os dias!” Você está bem enganado.

Um estudo publicado nos Annals of Internal Medicine, mostra que mesmo você fazendo suas atividades físicas regulares, ficar sentado demais durante o restante do dia ainda pode estar te matando. Nem sempre ficar sentado em frente à TV pode ser sinônimo de descansar, se isso for por muito tempo, você pode estar também se matando aos poucos.

Veja Também: Dor muscular tardia (DMT) – o que causa e como evitar

Como foi realizado o estudo?

O estudo foi conduzido por pesquisadores da Universidade de Toronto, nos Estados Unidos e foi uma revisão de outros 47 estudos sobre sedentarismo e exercícios físicos já publicados. Nestes estudos os pesquisadores perguntavam as pessoas quanto tempo por dia elas passavam sentadas assistindo TV, no trabalho, descansando, etc. e também quando tempo de exercícios elas faziam, e ai cruzavam os dados com a incidência de doenças como diabetes, doenças cardíacas, câncer entre outras causas de mortes.

O resultado foi surpreendente: Fazer exercícios não elimina o mal que faz ficar sentado demais.

Pessoas que passavam muito tempo sentadas durante o dia mostraram 90% mais chance de manifestar diabetes, 18% mais chances de morrer do coração ou contrair câncer, 24% mais chance de viver menos (morrer por outras causas) do que se comparado com pessoas que não passam muito tempo sentados. Estes percentuais são médias de pessoas que fazem e não fazem exercícios físicos.

Recomendamos para você:  8 semanas de meditação podem mudar seu cérebro

E ai o grande ponto: Se as pessoas fazem exercícios, elas conseguem melhorar um pouco estes índices, cerca de 15% em média, mas mesmo assim não conseguem eliminar totalmente, o que mostra que mesmo se você faz 30 a 60 min de atividade física todos os dias, como você se comporta no restante do dia ainda é muito importante.

O que mais surpreendeu os pesquisadores é que os dados foram bem consistentes, mostrando que existe pouca margem de falha para esta pesquisa.

Veja Também: Se sentindo cansado o tempo inteiro? Estes 14 hábitos ruins podem ser a causa.

A única forma de eliminar totalmente esta influência é passar menos tempo sentado. A boa notícia é que este hábito de ficar menos sentado pode ajudar até você a controlar seu peso, uma vez que ficar em pé queima 2x mais calorias do que ficar sentado, cerca de 140 calorias, o que por si só já pode ajudar a prevenir doenças cardíacas por exemplo.

Mas o que posso fazer se eu preciso passar boa parte do dia sentado? 5 Dicas!

Aqui não tem jeito, a mudança de hábitos precisa ser feita e coisas simples que você talvez ache desnecessárias, são fundamentais para eliminar de vez os efeitos de ficar muito tempo sentado. Já havíamos dado algumas dicas em “Você passa muito tempo sentado? Então cuidado!” e aqui vai um complemento delas, 5 dicas para você que fica sentado demais durante o dia:

Fica sentado demais e faz exercícios? Você está em perigo mesmo assim!

1. No Trabalho:

Existem muitos e cada vez mais tipos de trabalho de exigem, a princípio, que você passe muito tempo do dia sentado. Mas ai, quebre os paradigmas e inove, puxe a sua organização para mudar se preciso, pois estamos falando da sua saúde, o que pode salvar sua vida e até um bom dinheiro com planos de saúde e procedimentos para a empresa. Aqui vão algumas dicas para o trabalho:

Recomendamos para você:  'Dia do lixo' pode elevar risco de diabetes, alerta estudo

– Tenha uma pausa de 5 minutos a cada 30 minutos sentado, caminhe, levante e vá beber água por exemplo, você já mata duas necessidades com uma ação. (Mesmo durante as reuniões)

– Uma pausa mais longa de 15 minutos a cada 2h. Chame alguém para aquela conversa que você precisava ter, vá ver algo em outro local, por exemplo.

– Fale ao telefone, veja e-mail, ou faça reuniões em pé.

– Planeje o dia, apresentações, ações de trabalho em pé.

Veja Também: Pressão alta: O que é e porque ela é tão importante para você

2. Faça alongamentos frequentemente.

Algumas posições de Yoga podem ajudar, mesmo no local de trabalho.

3. Evite assistir muito tempo televisão.

Além de muitas vezes a programação não agregar muito, você ainda está correndo riscos. Mesmo assim se você não consegue evitar, levante-se durante os comerciais, fique em pé ou faça alongamentos rápidos ou ainda assista um capitulo (ou boa parte dele) em pé.

4. Mantenha uma alimentação saudável:

Rica em frutas e vegetais e menos carne vermelha e frituras.

5. Faça exercícios regularmente.

A recomendação é que seja de 150 minutos por semana, no mínimo, de atividade aeróbica intensa moderada mas ideal de 30 a 60 minutos por dia. Eles não eliminam totalmente os riscos mas pode ajudar e muito a diminuir os impactos de um dia longo sentado, além de todos os outros benefícios como te deixar mais jovem e bonita(o), com mais energia e disposição e também te ajuda a ter uma melhor noite de sono, dentre outros tantos benefícios.

Veja Também: Estudo promete: corpo fitness com 7 minutos de exercícios 

Consultas:

Para Você

As informações aqui fornecidas, não devem substituir o aconselhamento médico ou de qualquer outro profissional qualificado. Elas são de responsabilidade do seu autor e não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Procure sempre o aconselhamento de seu médico ou profissional da área de saúde para maiores esclarecimentos. Não interrompa o tratamento e/ou indicações médicas.

NOSSA MISSÃO:
Ser um sistema global de armazenamento de informações de saúde on-line, colaborativo, contemplando multifunções e cruzamento de dados, proporcionando o bem estar do ser humano através da segurança do histórico de saúde.

NOSSA VISÃO:
Tornar-se o sistema mundial de referência da informação da área da saúde até 2022, gerando dados relevantes e importantes para o ser humano.

NOSSOS VALORES:
Respeito, Igualdade, Confiança, Ética, Segurança, Qualidade de vida.

Ajude a Rais!

Contribua para que possamos continuar a promover uma vida saudável para cada vez mais pessoas.

Receba mais saúde por e-mail.

Comentários